Friday, July 31, 2009

POESIA

À minha filha Leilla Luisa



Constato porém,
Que nos teus lábios
Brilham o riso
Como a flor
Que recebe
Os raios candentes do sol
E resplandesce
Na manhã da
Primavera.

Pousa o beija flor
Suca o suco do sorriso
E anuncia a
Tua beleza.